Prêmio Lindolfo Pires

Senhoras, senhores e sxnhxrxs! Apresento-vos o campeão do II Prêmio Lindolfo Pires de Jingles Políticos (e sim, ele é um concorrente de verdade). O troféu imaginário, abstrato e intangível saiu de terras baianas e chegou à bela Minas Gerais, quem conhece teu jingle não esquece jamais!

Patrice

O prêmio Lindolfo Pires de Jingles Políticos é conhecido pela esmagadora vitória dos seus campeões sobre os segundos colocados, e dessa vez não foi diferente: Patrice teve mais que o dobro dos votos de Lobão, o segundo colocado no pleito.

Requião, nosso primeiro candidato governador a aparecer no Prêmio, amargou um 5º lugar,  mas esse ano tivemos um interessante empate voto-a-voto na disputa pelo terceiro lugar, entre André SalineiroCarlão. Fica aqui a menção honrosa da organização aos quatro mais bem-colocados e o desejo de boa sorte em 2016 para todos os outros concorrentes.

Curta nossa FanPage no Facebook e fique por dentro de todas as novidades que vamos arrumar até 2016, quando comemoraremos o 3º Prêmio Lindolfo Pires!

R

Hall de Honra

Lindolfo Pires

Muso inspirador, patrono, paraninfo e melhor jingle de todos os tempos

Thonga

Campeão do 1º Prêmio Lindolfo Pires (2012)

Patrice

Campeão do 2º Prêmio Lindolfo Pires (2014)

LINDOLFO

arte por Tig D.

Senhores, senhoras e senhoritos!

É com muito orgulho que venho cá divulgar o PRÊMIO LINDOLFO PIRES DE JINGLES POLÍTICOS 2014!

Na primeira edição, durante as campanhas eleitorais de 2012, tivemos mais de uma centena de votos, além de diversos concorrentes em vários estados do país: confira aqui quem concorreu ao I Prêmio Lindolfo Pires. Confira no vídeo abaixo o vencedor da edição anterior

Em sua segunda edição, o prêmio contemplará aquele candidato que, por mal ou por pior, se destacou devido à irreverência das canções utilizadas para se promover – e aqui, quem dá a voz é você: você mesmo, leitor!  Nesta mesma página teremos atualizações constantes com os novos vídeos e áudios que farão dessa Campanha Eleitoral o período mais bizarro da TV e da internet durante o ano – pior mesmo que durante a Copa do Mundo, pode ficar tranquilo. Você, durante esses meses, sentirá saudades da musiquinha do Itaú, da propaganda com o David Luiz ou até mesmo do choro do Julio Cesar antes do início de cada vídeo no Youtube. Nos acompanhe nesse período de alegria e alergia  à grande e real festa da democracia!

TÁ PERDIDO? CALMA, A GENTE TE MOSTRA O CAMINHO:

……PASSO 01…… (até 21/09)
CONHEÇA os candidatos ao Prêmio Lindolfo Pires. Analise os jingles, veja os perfis e fotos.
INDIQUE para a organização novos políticos para participarem da premiação

……PASSO 02…… (de 27/09 a 01/10)
VOTE no candidato que você escolheu.
TORÇA e faça campanha por ele.

……PASSO 03…… (02/10)
DESCUBRA o vencedor. E lembre-se: 2016 tem mais, e estaremos aqui!

Você pode nos enviar jingles que mereçam estar na competição:

  1. Na seção de comentários desse post;
  2. Por mensagem no Twitter ou Facebook;
  3. Usando a hashtag #Jingle2014 em qualquer uma das redes sociais anteriores!

Que vença o pior!

Declaro hoje, dia 29 de agosto de 2014, exatos 30 dias antes do resultado final, o início do fim! Sejam bem-vindos, candidatos!


Começamos bem, como sempre! Temos o nosso primeiro candidato com uma música já bem batidinha das eleições, nada como uma paródia de Lepo Lepo pra trazer a seriedade que o Acre precisa, não é mesmo? Boa, Gerlen Diniz!

Mas onde você vai com tanta pressa? Calma, filho, tem mais! E é do mesmo estúdio, que agora traz Nelson Sales com a amiga da minha irmã. Não, péra! Poxa, PV! Poxa, Marina! Vai levar disciplina da igreja hein, candidata!?

Tá bom, se o candidato anterior tá indo pra cima da amiga da minha irmã, alguém me explica o que tá acontecendo com o Branco, a gatinha assanhada? Ou fui eu que entendi errado? Péra, tá tudo muito confuso… Ele é do calafate? Alguém me explica o que raios seja um calafate? Seja o que for, precisa ir com muito carinho.., Eu, hein?!


E se você pensa que o Acre podia ter parado por aí, acredite: ainda tem mais por vir. Não bastasse toda essa bagunça dos nossos três primeiros candidatos, surgiu o Dotô Jadson, com uma paródia gospel de Pode chorar. Tá, eu vou repetir bem devagar pra você entender: Uma. Paródia. Gospel. De. Pode. Chorar. UMAPARÓDIAGOSPELDEPODECHORAR, MEUS AMIGOS! Será que eu já ouço o grito de É CAMPEÃO?!

Encerrando a participação de hoje da ACREMÍDIA, que poderia pelo tom bombástico de suas músicas no Prêmio Lindolfo Pires ser chamada de ACMEMÍDIA, de tão exacerbadas que são suas produções, temos (SIM!) o que o eleitor sempre quer (ISSO MESMO!): uma composição própria, VAI TOINHA! VIVA A MÚSICA AUTORAL!

E lá vem direto do interior da Bahia, temos João Rabeira, que é do povão, vindo junto com o Luiz Argolo(?), na primeira campanha conjunta com destino ao Prêmio Lindolfo Pires – aqui é inovação, galera! Lembrando que os votos serão individuais, ou você vota no Jão Rabeira ou no Argolo, nada de chapa branca aqui não rapá, é coisa séria!

Dozumdostrês, dozumdostrês, o bagulho é o Carlão, dozumdostrês

Por tudo e por todos, quase um D’artagnan direto dos pampas, lá vem CÉSAR PARANÁ, DEPUTADO DE SANTA CATARINA! Não, pera, isso tem que estar errado. Não, não pode ser. E aquele grito no fundo no meio do jingle? Gente, sério, isso tá errado.. É Hello, people mesmo? Eita…

Eu realmente acredito que esses caras merecem atenção só por conseguirem colocar o nome Samir Fouani numa letra de música,
isso não é pra qualquer produtor não, na moral. Ainda mais numa melodia tão rica e complexa como Lepo-Lepo (é, de novo…)

E lá no Ceará temos um velho conhecido da internet – o Lailtinho Brega, sabe lá Deus porquê com a bandeira da honestidade, com sim, isso mesmo uma terceira versão de Lepo-Lepo. Será que o cara que inventou essa música ganha algum trocado por versões que fazem da música dele? Se ele ganhar 1 centavo a cada 10 mil versões já dá pra tirar férias em Madrid nas Eleições de 2016, viu?


Agora já não é mais com a amiga da sua irmã, é direto na sua família, no sangue do seu sangue, é com a tua prima que esse cara tá mexendo, PÔ, BERG LIMA! Deixa a família de fora, mano, é feio mexer.

Eu não sei vocês, mas eu quero hiíÍÍÍÍLTOOOOOOOOooooonn cinquentacent-êncinquenta, porque esse desafinado do cantor ficou uó!

Não sei mais se voto nele não, porque de repente me bateu uma vontade de votánotôvotánotôvotánotô, EITA que esse bagulho fica na cabeça mais do que o refrão da música nova de arrocha-samba-enredo-maracatu-sertanejo-universitário. CÊ BESTA, Tom!

Guardem esse dia, senhores: Dia 06 de agosto de 2014! Neste dia tivemos o nosso primeiro candidato a governador no Prêmio Lindolfo Pires. Mas como somos todos paritários, horizontais, esquerdopatas reacionários (que dá um excelente nome de banda, por sinal), vai todo mundo concorrer à um prêmio só, sem diferenciações. Taca-le pau, Rrrrequião! (contribuição conjunta de @paiva_thiago e @novosomsalvador)

Se você pudesse fazer um jingle para um metaleiro, cabeludo, cujo número é 666, como você faria o serviço para o Lobão? Seja como for, eu te garanto que não seria assim (indicação de @MercyMercy)

E com música inspirada em TIHUANA(!), um Policial Federal (!!) usa um Need for Speed (!!!) do século passado no seu vídeo de campanha, provando que além de capivaras, ainda existe muito sangue no zói sul-matogrossense

Olha, eu realmente não tenho palavras pra algumas coisas que eu vejo, tô falando sério. Alguém explica, na boa? Me faltam palavras. Experiência de vida. Reconhecimento público. Sei lá, um pouco do yippie-yippie-yay. YO!Se ouvirem até logo depois da metade, vão reparar que chegou a pizza no meio do jingle, mas ficaram com preguiça de editar

Rapaz… Rapaz… Tudo bem que bigode tá na moda, mas precisava disso, seu Bigode?

As eleições estão encerradas! Conheça o vencedor 😀