Então, a verdade é que eu te amo. Eu tenho passado os últimos dias martelando isso, tentando descobrir se era só paixãozinha, ou se eu realmente gostava de você, e depois de tudo isso que passamos, a verdade é que eu te amo. Independente do seu jeito, o que eu gosto mesmo é do jeito que você fica brava comigo, do seu GRR de ódio quando eu falo aquilo que você não queria ouvir e do jeito que você simplesmente despedaça as minhas verdades numa fração de segundo, como se não fossem nada importantes. Eu desisto de tentar fugir de você, ou de arrumar motivos pra não te beijar. Desisto de ficar me dando desculpas, fingindo que você não gosta de mim, ou que eu sou idiota demais pra você. Eu te amo, e te amo demais pra ficar com você. Eu quero namorar contigo, quero estar com você, e te abraçar quando eu mais te detestar. Porque sei que você sabe trazer o melhor de mim.

[Timeline da Fulana]

Atualização do Facebook

É verdade tudo isso?

…é só um texto que eu escrevi, deixa pra lá.

E no chat do Facebook

Categoria: Contos de Domingo
0
73 views

Deixe uma resposta